Pular para o conteúdo
Adélia Prado vence o Prêmio Camões de Literatura

Adélia Prado ganha dois grandes prêmios de literatura em menos de uma semana 

A poetisa, romancista, contista, filósofa e professora Adélia Prado acaba de ganhar o Prêmio Camões de Literatura, considerado o mais importante da língua portuguesa. A decisão aconteceu nesta última quarta-feira (26), por meio de uma reunião virtual do júri.

Adélia Prado quebra o esperado com sua vitória, que normalmente alterna entre os países falantes da língua portuguesa. O último vencedor do Brasil, Silvano Santiago, foi contemplado apenas 2 anos atrás.

É o segundo grande prêmio de literatura que a autora ganha em menos de 7 dias: na quinta-feira da semana anterior (20), foi nomeada a vencedora do Prêmio Machado de Assis pelo conjunto de sua obra. As duas premiações seguidas consagram Adélia Prado como a maior poeta brasileira viva.

Ao todo, a autora recebeu aproximadamente R$ 690.000 em dinheiro, somando as gratificações dos dois prêmios. São mais de meio milhão de reais em menos de uma semana conquistados pela autora!

Adélia, em nota enviada à imprensa sobre as duas vitórias, diz:

“Foi com muita alegria e emoção que recebi, hoje, dia 26 de junho, um telefonema da Sra. Dalila Rodrigues, ministra da Cultura de Portugal, me informando que fui agraciada com o Prêmio Camões. Estava ainda comemorando o recebimento do Prêmio Machado de Assis, da ABL, e agora estou duplamente em festa. Quero dividir minha alegria com todos os amantes da língua portuguesa, esta fonte poderosa de criação.”

Quem é Adélia Prado?

Adélia Prado é um dos grandes nomes da literatura contemporânea brasileira, tendo publicado mais de 20 livros. Mineira, nasceu no ano de 1935 em Divinópolis e lá continua a residir. 

É conhecida principalmente por sua obra na poesia, mas também já escreveu romances, contos e crônicas.

Em seus poemas, explora o cotidiano sob o olhar feminino, mergulhando em temas de fé, desejo e morte. Ficou conhecida por sua linguagem mais informal, assumindo um tom simples para falar com profundidade e delicadeza sobre questões que são ao mesmo tempo universais e íntimas.

Começou sua carreira como escritora apenas aos 40 anos, quando enviou seu manuscrito para Carlos Drummond de Andrade. Encantado com os poemas, foi ele quem deu início a carreira de Adélia Prado, encaminhando seus escritos para uma editora.

Assim publicou-se o primeiro livro da autora, Bagagem, em 1976. Foi muito bem recebido pela crítica, que apontaram seu estilo único e originalidade. Como escreveu o próprio Drummond na época, “Adélia é lírica, bíblica, existencial, faz poesia como faz bom tempo”.

O Prêmio Camões e o Prêmio Machado de Assis se juntam a muitos outros conquistados pela escritora. Em 1978, ela foi ganhadora do Prêmio Jabuti de Poesia com seu segundo livro, O Coração Disparado.

Também conta com um Prêmio ABL de Literatura Infantojuvenil, conquistado em 2007 com Quando eu era pequena, seu primeiro livro infantil. Outros prêmios da autora são o Prêmio de Literatura do Governo de Minas, o Prêmio Literário da Fundação da Biblioteca Nacional e o Prêmio Clarice Lispector.

Adélia Prado recentemente anunciou sua volta à poesia, que estava em silêncio há mais de uma década. Seu último livro, Merere, foi lançado em 2013. Depois disso, veio o que a autora chama de “deserto criativo”, um período que venceu apenas agora.

Ela conta que o que a tirou da aridez desse bloqueio criativo foram seus próprios poemas: “Fui resgatada pela própria poesia; encontrei, em gavetas, poemas escritos na tenra juventude e, para minha surpresa, eles estavam em sintonia com minha experiência atual e desencadearam a ideia desse livro.”

A nova coletânea de poemas da autora tem nome O Jardim das Oliveiras e tem previsão de ser lançada ainda neste ano.

O que é o Prêmio Camões de Literatura?

Considerado o prêmio mais prestigioso da língua portuguesa, o Prêmio Camões é concedido anualmente a autores da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) como um modo de estreitar os laços dessas nações. 

Criado em 1988 pelos governos do Brasil e de Portugal, o prêmio leva o nome de Luiz Vaz de Camões, o maior escritor da língua portuguesa. Honrando este nome, os autores premiados contribuíram significativamente para o enriquecimento do patrimônio literário e cultural da língua portuguesa com o conjunto de suas obras.

O júri é composto por representantes do Brasil, de Portugal e de países africanos de língua oficial portuguesa. Entre os 34 vencedores, estão nomes como Lygia Fagundes Telles, Chico Buarque, José Saramago, Mia Couto e Jorge Amado. Adélia Prado é a 15a brasileira a ser homenageada.

Além do reconhecimento pelo conjunto de sua obra, o autor premiado recebe uma recompensa financeira de 100.000 €. Metade desse valor é fornecida pela Fundação Biblioteca Nacional do Brasil e a outra metade pelo Governo de Portugal.

O que é o Prêmio Machado de Assis?

Outra premiação de grande destaque, o Prêmio Machado de Assis também leva em consideração o conjunto da obra de seus homenageados. Concedido pela Academia Brasileira de Letras (ABL), é considerado o principal prêmio literário brasileiro.

Criado em 1941, é a premiação literária mais antiga do país, levando o nome de Machado de Assis, um dos principais escritores do Brasil e do mundo. Seus jurados são os membros vigentes da ABL, que fazem a escolha com base na produção literária dos escritores, destacando aqueles que tiveram o maior impacto cultural.

Entre seus eles, estão nomes como João Guimarães Rosa, Érico Veríssimo, Ana Maria Machado, Cecília Meireles, Mário Quintana e Rubem Fonseca. Adélia Prado é a 11a mulher a ganhar o prêmio.

Além do reconhecimento pelo conjunto de sua obra, o autor premiado recebe também R$ 100.000, um diploma e um troféu. O troféu

Quer conhecer outras mulheres essenciais para a literatura brasileira e mundial? Confira 10 escritoras marcantes da literatura e expanda suas referências culturais.

Continue acompanhando o Blog da Viseu para mais informações e principais notícias sobre o mercado editorial. Até o próximo conteúdo!

Compartilhar

Outros Artigos

Protagonista: saiba por que ele é fundamental para sua história
Dicas de escrita

Protagonista: como fazer seu personagem principal brilhar

A criação de personagens é uma grande dificuldade entre autores. Muitas são as questões às quais se atentar: verossimilhança, profundidade, falas, personalidade… Esses pontos se

PUBLIQUE SEU LIVRO

Informe seus dados
para iniciar sua jornada
de publicação.
Um de nossos Consultores Editoriais
entrará em contato com você para
conversar melhor e explicar como
você pode publicar o seu livro!