Pular para o conteúdo
lançamento livro A Corrente João Alexandre Paschoalin Filho

“A Corrente”, de João Alexandre Paschoalin Filho, retrata a complexidade da existência em uma narrativa envolvente e intrigante.

A literatura brasileira ganha um novo marco com o lançamento de “A Corrente”, de J. A. P. Filho, uma obra que explora a complexidade da vida humana através de uma narrativa envolvente e profunda. Publicado pela Editora Viseu, a narrativa imerge o leitor em uma história que entrelaça alquimia, filosofia e a busca pelo significado da vida.

O prefácio do livro nos introduz a uma reflexão sobre a incerteza como elemento central da existência, desafiando a falsa noção de controle que a lógica muitas vezes nos impõe. 

O autor, ao alertar o leitor, enfatiza a realidade das experiências narradas, afirmando que embora alguns nomes tenham sido alterados, os eventos descritos são autênticos. 

Além disso, indica o processo doloroso e desconstrutivo que foi a jornada de escrita do livro, o que pode ser um recado para o leitor que inicia sua jornada de leitura.

A história começa com um prólogo carregado de sentimentos de justiça e vingança, revelando um conflito profundo e complexo. O protagonista, um professor universitário, embarca em uma jornada de autoconhecimento após alcançar o sucesso acadêmico. 

Sua vida, inicialmente preenchida por ideais e sonhos, gradativamente se torna uma luta contra o desencanto e a monotonia, refletindo a crise existencial enfrentada por muitos na sociedade moderna.

O livro também aborda o tema da busca espiritual, onde o protagonista explora diferentes crenças e ideologias em sua tentativa de preencher um vazio interior. 

Um ponto de virada na narrativa ocorre quando o personagem principal se vê envolvido em um complicado divórcio, levando-o a buscar refúgio e paz na Catedral Metropolitana de São Paulo.

"A Corrente" se destaca por sua abordagem filosófica profunda, discutindo temas como a natureza do bem e do mal, o destino humano e a natureza humana.

João Alexandre Paschoalin Filho

“A Corrente” se destaca por sua abordagem filosófica profunda, discutindo temas como a natureza do bem e do mal, o destino humano e a natureza humana. 

Diálogos intrigantes entre o personagem principal e uma figura enigmática exploram estas questões com profundidade e originalidade.

Além disso, a obra se ambienta em São Paulo, com descrições vívidas de lugares icônicos como o bairro Higienópolis e outras regiões da cidade, proporcionando um cenário realista e rico em detalhes. 

A vida pessoal do protagonista, incluindo seu casamento e subsequente divórcio, é retratada com honestidade e sensibilidade, ressoando com os leitores que enfrentam desafios semelhantes.

Em conclusão, “A Corrente” de J. A. P. Filho é uma obra literária significativa que oferece uma visão introspectiva sobre a condição humana, misturando habilmente ficção, filosofia e realidade. Este livro promete ser uma leitura enriquecedora para aqueles que buscam compreender as complexidades da alma humana e seu lugar no mundo.

 

Compartilhar

Outros Artigos

PUBLIQUE SEU LIVRO
Informe seus dados
para iniciar sua jornada
de publicação.
Um de nossos Consultores Editoriais
entrará em contato com você para
conversar melhor e explicar como
você pode publicar o seu livro!